Bolsonaro já tem quatro generais no alto escalão do governo

Militares ganham força no governo do presidente eleito. Além de generais há tenente coronel e outros formados por escolas militares 

Com a indicação do general da reserva Carlos Alberto dos Santos Cruz para a Secretaria de Governona manhã desta segunda-feira (26), já são quatro os generais no alto escalão do governo Bolsonaro. Além do vice Mourão, já foram indicados como ministros os generais Augusto Heleno, do GSI (Gabinete de Segurança Institucional) e Fernando Azevedo e Silva, da Defesa. Todas as funções, incluindo a que será ocupada por Santos Cruz, são muito próximas do presidente e funcionam dentro do Palácio do Planalto. 

Sugestão de leitura: www.mises.org.br

Pela atuação na transição, o general Mourão já indica que não será um “vice decorativo” e irá assumir a Presidência durante a licença médica de Bolsonaro, que será operado novamente após a posse.

Um quinto general pode ocupar a Esplanada. Na semana passada foi cogitado o general da reserva Oswaldo Ferreira para comandar uma fusão de pastas que seria a “Casa Civil da Infraestrutura”, vinculada à Presidência da República. Ele teria desistito e outro nome foi cotado para a mesma pasta, do general da reserva Jamil Megid Júnior. Nenhum dos nomes foi confirmado pelo governo de transição. 

Além deles, há outros militares que não são generais no governo mas também profissionais com formação militar. O astronauta Marcos Pontes, ministro indicado para a Ciência e Tecnologia, é tenente coronel da Força Aérea Brasileira. Wagner Rosário, que foi mantido na Transparência e CGU (Controladoria Geral da União), é servidor público de carreira mas foi capitão do Exército, e é graduado e pós-graduado pela Academia Militar das Agulhas Negras. O ministro indicado da Educação, Ricardo Vélez Rodríguez, é professor universitário e professor emérito da Escola de Comando e Estado Maior do Exército.

O general Santos Cruz, hoje anunciado ministro da Secretaria de Governo, já havia sido mencionado na semana passada pelo vereador Carlos Bolsonaro em suas redes sociais como Secretário Nacional de Segurança Pública, mas a informação não chegou a ser confirmada pelo presidente eleito e nem pelo governo de transição. Se ocupasse o cargo, Santos Cruz seria subordinado do “super ministro” Sérgio Moro. 

A formação do governo de Bolsonaro mostra o que ele já havia dito em 2017, que os militares voltariam ao comando do País, mas pelo voto. O capitão foi eleito e hoje forma um governo com mais militares desde a redemocratização. O ministro da Defesa, general Fernando Azevedo e Silva, é o primeiro militar a voltar à pasta após o fim dos governos militares. 

Uma das promessas de campanha de Jair Bolsonaro era de enxugar os ministérios e diminuir o número de pastas. Por enquanto ele sinaliza que as secretarias que funcionam dentro do Palácio do Planalto continuarão com status de ministério. 

Veja abaixo os ministros já anunciados por Bolsonaro (ministérios e secretarias com status de ministérios) e suas formações. 

1) Onyx Lorenzoni (Casa Civil) – deputado
2) Paulo Guedes (Economia) – economista
3) General Augusto Heleno (Segurança Institucional) – militar/general
4) Marcos Pontes (Ciência e Tecnologia) – coronel militar
5) Sérgio Moro (Justiça) – juiz
6) Tereza Cristina (Agricultura) – deputada
7) General Fernando Azevedo e Silva (Defesa) – militar/general
8) Ernesto Araújo (Relações Exteriores) – diplomata
9) Wagner Rosário (Transparência e CGU) – servidor de carreira do CGU
10) Luiz Henrique Mandetta (Saúde) – deputado
11) André Luiz de Almeida Mendonça (AGU)- advogado e consultor jurídico
12) Gustavo Bebianno (Secretaria Geral da Presidência) – presidente de partido
13) Ricardo Vélez Rodríguez (Educação)- professor universitário
14) Carlos Alberto dos Santos Cruz (Secretaria de Governo) – militar/general

Por: Richard Corrêa

Fonte: R7

Publicado por Blog Foco News

Richard Corrêa, jornalista e publicitário natural de Curitiba Capital do Estado do Paraná, residiu, estudou e trabalhou também em Joinville, Santa Catarina. Atualmente reside e trabalha em Rio Branco, Acre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: