Governador Gladson Cameli Valoriza a Livre Iniciativa

Governador Gladson Cameli

Vivemos ontem um dia de grande simbolismo para a sociedade acreana, por uma (feliz) declaração do Excelentíssimo Senhor Governador, no que concerne à nova concepção de sua administração, em relação às administrações de governos anteriores, nos últimos vinte anos.

Sugestão de Leitura: www.mises.org.br

Explico o que constatei!

Acionistas da empresa “Peixes da Amazônia”, no decorrer da semana que se finda, fizeram gestões junto ao Executivo Estadual e ao Parlamento acreano, no sentido de que fossem alocados – falou-se em RS 200 mil mensais – recursos públicos dos pagadores de impostos, para a referida empresa em situação de recuperação judicial.

Os dirigentes do Movimento Liberal do Acre, preocupados em que o paradigma do governo atual seja fixado na consciência da população, em sentido diametralmente oposto à concepção de governo passada, entendeu por bem divulgar uma carta aberta ao governador, externando suas convicções sobre à nova ordem econômica.

Em síntese apertada, se afirmou que o Estado do Acre deve ter como paradigma o governo federal, que na economia é liberal e conservador nos costumes. Viés ideológico oposto ao populismo de esquerda, cujos líderes disputam, nas palavras da cientista política Glória Álvares, quem será “o melhor Papai Noel com o dinheiro dos pagadores de impostos”.

Recomendou-se que o Excelentíssimo Senhor Governador não deveria praticar intervencionismo estatal, afastando -se de atividades inerentes à livre iniciativa.

Horas depois o Governador dá declarações à imprensa dizendo que o governo se afasta de atividades típicas do livre mercado, e que vai se ater com atividades típicas de governo(educação, saúde, segurança e infraestrutura).

Eis aí o simbolismo da declaração do Governador!

Sugestão de Leitura: www.mises.org.br

Se tivesse concordado em socorrer empresas em dificuldades econômicas – no capitalismo quem corre risco é a iniciativa privada – estaria dando o seguinte recado à população: meu governo é uma continuidade dos governos anteriores.

E aí, nada mais se poderia esperar do governo atual, vez que, seu sucesso nas urnas, se deveu ao fato de que os governos anteriores haviam se tornado anacrônicos.

Por oportuno, no livro à baixo se explica a ineficiência da intervenção estatal na economia:

“fica evidente que qualquer tentativa, por parte do governo, de interferir na operação do sistema econômico, baseado na propriedade privada dos meios de produção, não cumpre a meta que desejavam alcançar seus autores”.

Se o governador cedesse, logo mais pediriam mais dinheiro dos pagadores de impostos.

Parabéns, Governador!

Movimento Liberal do Acre

Valdir Perazzo e Fernando Lage

Por: Richard Corrêa

Publicado por Blog Foco News

Richard Corrêa, jornalista e publicitário natural de Curitiba Capital do Estado do Paraná, residiu, estudou e trabalhou também em Joinville, Santa Catarina. Atualmente reside e trabalha em Rio Branco, Acre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: