PRESIDENTE DO PSL REVOGA CONVOCAÇÃO DE BOCALON QUE QUER APOIAR O GOVERNO GLADSON

O Presidente do PSL-Acre, Pedro Valério, baixou uma resolução nesta terça feira(9), revogando a convocação para uma reunião extraordinária feita pelo Bocalon na segunda feira(8), através deste Blog.

Na resolução o presidente do PSL-Acre alega que o partido não foi convidado oficialmente pelo Governador Gladson Cameli, para fazer parte da base de sustentação do governo, alegando que tal atitude, representa a igualdade aos outros partidos que praticam o fisiologismo e que negociam apoio em troca de cargos.

Veja a resolução na integra:

Ora presidente Pedro Valério, é exatamente o contrário do que o senhor está imaginando. Está reunião estava sendo feita com o único objetivo de auxiliar o governo Gladson Cameli e mais ainda, apoiar o próprio Presidente Bolsonaro que é do seu partido, o PSL. e que precisa muito aprovar reformas que são extremamente importantes para o BRASIL, para que o BRASIL possa voltar a crescer, se desenvolver e assim gerar tempos de emprego e renda para a população brasileira e o presidente ter mais tranquilidade para administrar com mais segurança, eficiência e competência e com isso ter mais fôlego e independência, já que a grande mídia juntamente com a esquerda comunista não vão deixá-lo em paz em nenhum momento.

Sugestão de Leitura: www.mises.org.br

O Pedro Valério invoca artigos do estatuto do partido para anular a convocação, sendo que políticos são mestres na arte de dialogar, conversar, discutir idéias e decisões, era tão somente para isso que a reunião fora convocada. É lamentável que o presidente do PSL não tenha entendido isso e que estamos em uma democracia. Mas parece que ele não quer praticá-la dentro do próprio partido do Presidente Bolsonaro, já que estamos falando dos 8 dos 10 membros do PSL que assinaram essa convocação.

Segue as assinaturas dos 8 membros:

Observa-se que não consta o nome do segundo tesoureiro, que era o Professor Lauro que renunciou, conforme segue documento abaixo:

Em nenhum momento, esses membros do PSL, ligaram ou foram barganhar cargos ou vantagens, seja lá o que o presidente do PSL esteja imaginando, com o governador Gladson Cameli em troca de apoio, digo, porque, como membro do PSL, participei também dessa reunião.

Talvez o senhor esteja esquecendo o famoso slogan de campanha do nosso Presidente Bolsonaro e o real significado dela. “BRASIL ACIMA DE TUDO” E “DEUS ACIMA DE TODOS”

Simplesmente, era uma reunião para decidir se o PSL vai ou não vai apoiar o governador Gladson Cameli, porque já se passaram cem dias e o partido do Presidente Bolsonaro, o PSL do Acre não teve ainda nenhuma decisão e a pior decisão é não ter nenhuma.

Por: Richard Corrêa

Publicado por Blog Foco News

Richard Corrêa, jornalista e publicitário natural de Curitiba Capital do Estado do Paraná, residiu, estudou e trabalhou também em Joinville, Santa Catarina. Atualmente reside e trabalha em Rio Branco, Acre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: