O CRIME COMPENSA?

Hoje, sábado, 08/06/2019, minha apreensão aumenta a cada momento, visto que, na próxima segunda feira, dia 10, à partir das 8,00 hs, no TRE/AC, haverá o julgamento do processo de cassação, ou não, do deputado Federal Pastor Manoel Marcos e da deputada Estadual, Dra Juliana.

O processo está muito bem instruído pelo MPF e nossos advogados.

Se, o Tribunal optar pela CASSAÇÃO dos envolvidos, com A ANULAÇÃO DOS VOTOS comprados com dinheiro público, como ficou comprovado pela Polícia Federal, mais de um milhão e seiscentos mil Reais recebidos dos Fundo de Financiamento Público de Campanhas Eleitorais e Fundo Partidário, O CRIME NÃO COMPENSARÁ!

Sugestão de Leitura: www.mises.org.br

Porém, se os votos não forem anulados, O CRIME COMPENSA!

Por que digo isto!

Primeiro, porque a compra de votos não foi feita com dinheiro pessoal, mais sim, com dinheiro público, que faz parte dos mais de 1 bilhão e 600 milhões de Reais retirados da SAÚDE, EDUCAÇÃO, SEGURANÇA PÚBLICA, INFRA ESTRUTURA, etc. para financiar esta campanha Eleitoral em todo o Brasil.

Segundo, porque, se o MANDATO ficar mantido dentro do grupo que usurpou nosso sagrado dinheiro público, eles serão beneficiados, pois fazem parte da mesma coligação.

Terceiro, nas próximas eleições, todos os partidos que têm direito a estes recursos, se reunirão e, estrategicamente decidirão quem vai ficar com o dinheiro para comprar os votos necessários para se fazer o quociente Eleitoral ou o Partidário.

Em sendo pego e cassado o previamente definido comprador, o seu suplente, que faz parte do grupo que montou a estratégia, assumirá, e, todos se beneficiarão do mandato. Lembro, que quando o recurso era pessoal, esta estratégia nunca foi usada, pois ninguém é bobo ao ponto de gastar seu sagrado suor para dar mandato a outro.

Sugestão de Leitura: www.mises.org.br

Por último, lembro que com a cassação e anulação dos votos dados ao Pastor Manoel Marcos, eu Tião Bocalom, serei beneficiado.

Digo que acho justo, pois o querido Povo Acreano nos deu quase 22 mil votos, enquanto o Pastor Manoel Marcos obteve pouco mais de 7 mil votos.

Minha campanha custou apenas 117 mil Reais, sem nenhum centavo de dinheiro público.

Fomos o quinto mais votado do Estado, com 5,15% dos votos válidos e, com esta porcentagem, acabei sendo o 67 (sexagésimo sétimo deputado Federal mais bem votado do Brasil).

Para finalizar, esclareço que confio em DEUS e na Justiça Eleitoral Acreana!

Tião Bocalom.

Por: Richard Corrêa

Publicado por Blog Foco News

Richard Corrêa, jornalista e publicitário natural de Curitiba Capital do Estado do Paraná, residiu, estudou e trabalhou também em Joinville, Santa Catarina. Atualmente reside e trabalha em Rio Branco, Acre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: