Concursos 2019: BOLSONARO sanciona Orçamento com 48 mil vagas

O texto contém previsão de 48.818 cargos, entre vagas para provimento e criação.

Boas notícias para os concurseiros! O presidente Jair Bolsonaro sancionou nesta quarta-feira, 16, a Lei 13.808, que trata do Orçamento da União para 2019. Não houve vetos em relação às vagas previstas em concursos públicos para este ano.

Sugestão de Leitura: http://www.mises.org.br

De acordo com o texto, a previsão é de, nada menos, que 48.224 vagas. Dessas, 43.373 são para provimento e 4.851 para criação de novos cargos. A sanção do documento aumenta as esperanças de que novos certames serão realizados em 2019.

O Orçamento total prevê gasto de R$ 3,38 trilhões, sendo R$ 351,35 bilhões para o gasto com pessoal, incluindo as despesas com aposentados e inativos.

O Projeto de Lei Orçamentária foi apresentado pelo extinto Ministério do Planejamento em agosto do ano passado. O Congresso Nacional aprovou o texto em 19 de dezembro e encaminhou para sanção do presidente.

Concursos 2019

A quantidade total de vagas prevista contempla os três poderes: Executivo, Legislativo e Judiciário.

Boa parte das vagas, 42.818, ficou com o Executivo. Dessas, 40.073 são para provimento e 2.095 para criação. A maioria será preenchida na área da Educação, por meio de concursos para professores e técnicos administrativos.  A área tem previsão de 22.559 cargos para provimento.

Sugestão de Leitura: www.mises.org.br

As demais, 11.493 vagas, serão preenchidas em órgãos que não foram especificados. Entre eles podem estar alguns dos mais aguardados, como por exemplo, Depen, IBGE e INSS.

No Legislativo, merece destaque a Câmara dos Deputados. A previsão é de 342 cargos, dos quais 127 destinam-se à criação de postos e 197 ao provimento. Para o Senado serão 40 provimentos e para o Tribunal de Contas da União (TCU), 20.

Por fim, no Judiciário há previsão de 2.973 vagas, sendo 1.047 para criação e 1.126 para o provimento. O quantitativo é dividido entre o Superior Tribunal de Justiça (STJ), com 50 vagas, e o Supremo Tribunal Federal (STF), com 38.

Há, ainda, previsão de vagas para:

  • Conselho Nacional de Justiça (CNJ) – seis vagas;
  • Justiça Federal (TRFs) – 925 vagas (625 para criação e 300 para provimento);
  • Justiça Militar (STM) – 30 vagas);
  • Justiça Eleitoral (TSE e TREs) – 1.240 vagas (370 para criação e 870 para provimento);
  • Justiça do Trabalho (TST e TRT) – 684 vagas (52 para criação e 632 para provimento).

Por: Richard Corrêa

Fonte: Concursos Brasil

Publicado por Blog Foco News

Richard Corrêa, jornalista e publicitário natural de Curitiba Capital do Estado do Paraná, residiu, estudou e trabalhou também em Joinville, Santa Catarina. Atualmente reside e trabalha em Rio Branco, Acre

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: